Tega Engenharia e Meio Ambiente

Informações Tega

Estação de Tratamento de Efluentes Sanitários com reuso.

Mais notícias

Quando um empreendimento está localizado em uma área que não é atendida por uma rede coletora de esgotos torna-se necessária a instalação de um sistema próprio para o seu tratamento, conforme as normas ambientais vigentes na região de implantação do empreendimento.

Esse foi o caso de nosso cliente, um empreendimento logístico na cidade de Extrema, Minas Gerais, que adquiriu recentemente um sistema de tratamento biológico para tratar um volume de esgoto gerado corresponde à aproximadamente 110 m³/dia.

Além de contribuir para a preservação dos corpos hídricos e do meio ambiente, o equipamento que foi concebido desde o projeto e fabricação até instalação pela equipe da TEGA, trará ao nosso cliente uma economia extremamente significante de aproximadamente 40 mil litros por dia de água, já que conta também com um sistema de reuso.

 

PROCESSO DE SISTEMA DE TRATAMENTO BIOLÓGICO DE FUNCIONAMENTO CONTÍNUO

 

Visando a melhoria da qualidade do efluente tratado bem como o aumento da vida útil dos componentes da ETE, será instalado um tratamento preliminar que se constituirá de gradeamento e caixa de areia de canal paralelo.

O sistema é formado por uma fase inicial baseada em tecnologia UASB – Reator Anaeróbio de Fluxo Ascendente em Manto de Lodo, uma fase aeróbia através do Filtro Aerado Submerso, Decantador Secundário e câmara de desinfecção final.

 

ETAPAS:

 

I. Gradeamento: Possui objetivo de efetuar a retenção de sólidos grosseiros como plásticos, tecidos, galhos, folhas e etc;

II. Caixa de areia retangular de canal paralelo: Sistema de remoção de areia ou material inorgânico inerte com rápida velocidade de sedimentação;

III. Calha Parshall: Dispositivo necessário para controle da velocidade do fluxo no canal da caixa de areia. Também possui a finalidade de medir a vazão afluente a ETE;

IV. Estação elevatória de esgoto sanitário: Poço onde é recebido o esgoto sanitário bruto produzido pelo empreendimento. Possui a função de transferir o esgoto bruto através de bombas de recalque para as etapas de tratamento;

V. Sistema de tratamento biológico: composto pela associação de reator anaeróbio tipo UASB (Upflow Anaerobic Sludge Blanket) e aeróbio tipo filtro aerado submerso (FAS), para remoção de matéria orgânica, nitrogênio amoniacal e sólidos;

VI. Decantador Secundário Convencional: Responsável pela sedimentação do lodo;

VII. Desinfecção do efluente final: etapa para desinfecção do efluente tratado (redução de agentes patógenos), através de sistema de cloração associado a câmara de contato;

VIII. Tratamento de gases: sistema de desodorização de gases odoríferos através de filtração em carvão ativado; e finalmente,

IX. Reuso: Sistema composto de bombeamento e filtração para reuso em irrigação e bacias sanitárias.

 

O efluente tratado atenderá a Deliberação Normativa Conjunta COPAM/CERH-MG nº01, de 05 de maio de 2008, artigo 29.

 

BENEFÍCIOS DO PROJETO:

Além de se adequar à norma ambiental municipal vigente e contribuir para a preservação do meio ambiente, nosso cliente ainda garantiu com a instalação da ETE TEGA diversos benefícios, entre eles:

 

·        Capacidade de tratamento de até 5.000 Litros/hora;

·        Economia no consumo de água de aproximadamente 1.200.000 litros de água por mês em irrigação e bacias sanitárias;

·        Descarte de esgoto tratado em torno de 110.000Litros/dia;

·        Economia mínima de R$ 100.000,00/mês, caso o cliente tivesse que destinar o efluente via caminhão limpa-fossa.

 

CONFIRA OUTROS SISTEMAS DE REUSO ENTREGUES:

 

REUSO DA ÁGUA UTILIZADA EM CONTAINERS TRAZ ECONOMIA DE 20.000L/DIA, EQUIVALENTE A APROXIMADAMENTE R$ 5.000/MÊS.

SISTEMA DE REUSO IMPLANTADO EM MULTINACIONAL TAILANDESA.

ETA E ETE TEGA ENTREGUES EM AEROPORTO.

 

SOLICITE UM ORÇAMENTO PERSONALIZADO PARA O SEU EMPREENDIMENTO



Solicitar orçamento

Tega Engenharia